Blog da

Alimentação saudável: 7 alimentos que melhoram o rendimento

Alimentação saudável: 7 alimentos que melhoram o rendimento

No dia a dia, é essencial investir em estratégias que possam melhorar o rendimento no trabalho e a produtividade — desde estabelecer ordem de prioridades nas tarefas até contar com a alimentação saudável como aliada.

No entanto, muita gente desconsidera que se alimentar corretamente também contribui para que o colaborador seja mais eficaz em suas funções e fique mais engajado com as metas da empresa.

Pensando nisso, elaboramos este post para que você entenda quais são os principais alimentos que vão contribuir para o rendimento na rotina de trabalho, além de outras informações sobre o assunto. Boa leitura!

Quais são as consequências de uma má alimentação?

Além do sobrepeso, uma alimentação inadequada vai contribuir para que o colaborador desenvolva doenças e, consequentemente, aumente o índice de absenteísmo dentro da organização. Entre os principais problemas enfrentados por esses indivíduos, destacamos:

  • hipertensão arterial;
  • doenças cardíacas;
  • diabetes;
  • cansaço frequente. 

Além disso, quem não regula a sua alimentação tem mais probabilidade de desenvolver a Lesão por Esforço Repetitivo, também conhecida como LER. Hoje, esse problema é considerado um dos principais nas empresas, devido às atividades muitas vezes mecânicas exercidas pelos colaboradores. 

Isso acontece devido ao fato de os nutrientes trazerem benefícios como um todo para o dia a dia da pessoa e para o seu organismo. Se eles estiverem em falta, o indivíduo não apresenta um bom desenvolvimento.

Quais são os alimentos que contribuem para o bom rendimento?

Manter uma alimentação saudável não é tão complicado quanto parece. Ademais, isso trará benefícios não apenas para a saúde, como também para o rendimento no trabalho. Sendo assim, selecionamos os principais alimentos que cumprem com esse objetivo. Veja!

1. Chá-verde

Apesar de o café ser a bebida mais pedida para melhorar o rendimento no trabalho, aumentar o foco e contribuir para a interação da equipe, existem outras alternativas para que você possa diversificar seu cardápio. O chá-verde é uma delas.

Ele também conta com a cafeína, que contribui para a concentração, além de conter L-teanina. Essa última substância mantém a pessoa tranquila para exercer as suas atividades diárias, o que é bastante proveitoso. 

Esses dois elementos, juntos, contribuirão para que o colaborador esteja mais atento ao que está fazendo e proporcionarão uma capacidade significativamente maior de tomar decisões de impacto positivo para a organização. 

2. Peixes oleosos

Os peixes oleosos contêm substâncias que são grandes aliadas para a memória do indivíduo, o que contribui diretamente para a produtividade, além de serem a pedida ideal para evitar doenças psíquicas, como a depressão e a ansiedade.

O salmão, por exemplo, é rico em ômega 3. Assim, vai atuar diretamente no sistema cerebral e garantir todas as vitaminas necessárias para o rendimento do colaborador. Já que estamos abordando sobre alimentação saudável, a dica é que você prefira os peixes grelhados. O tempero também pode ser dosado, de preferência com apenas limão e pimenta para que o sabor fique realçado. 

Caso opte pelo consumo cru, o ideal é que o alimento seja preparado em casa com os cuidados higiênicos exigidos, a fim de evitar contaminações.

3. Abacate

Uma pessoa que mantém a produtividade em alta no trabalho é aquela que tem um bom fluxo sanguíneo no cérebro. Para isso, basta se alimentar de produtos que estimulem esse fator, pois eles são capazes de estimular as células cerebrais para cumprir com esse objetivo. Um exemplo de alimento interessante para essa função é o abacate.

Caso você não goste do seu sabor puro, é possível incrementá-lo em uma salada, em uma vitamina contendo outras frutas ou até mesmo no preparado de guacamole para os finais de semana. 

4. Banana

A banana já é mais universal, concorda? É difícil alguém não gostar dessa fruta tão presente na mesa dos brasileiros. Além de ser muito versátil em seu consumo — pode ser feita em forma de panqueca, vitaminas, incrementada em iogurtes etc. —, ela é rica em glicose, que vai estimular a energia e promover o aumento da produtividade. 

Essa é uma ótima alternativa para o consumo da substância sem a necessidade de ingerir altas doses de doces, o que causará um efeito contrário para a sua saúde. 

5. Chocolate amargo

E por que não diversificar a sua dieta com o queridinho chocolate, não é mesmo? Aqueles com alta porcentagem de cacau, conhecidos como amargos, contribuem significativamente para o sistema nervoso central. Mas não vá exagerar, tudo bem? Pedaços pequenos contribuirão para ter mais foco no trabalho e energia, justamente porque a cafeína também está presente nesse alimento. 

Para que o seu consumo seja equilibrado, coma um tablete de sua barra logo após o almoço. Além de ser uma deliciosa sobremesa, contribuirá para a sua tarde de atividades.

6. Sementes de linhaça

O magnésio é outra substância que atua diretamente para um maior foco nas atividades. Além de estar presente no chocolate, ele também consta nas sementes de linhaça, que também apresentam em sua composição vitaminas, ômega-3 e fibras. Todos esses componentes vão ser benéficos para o maior rendimento no trabalho. 

No entanto, é preciso que as sementes sejam trituradas logo após a compra para uma melhor digestão do organismo. Uma boa dica é incrementá-las com outros cereais ou acrescentá-las em saladas, iogurtes ou vitaminas.

7. Tomate

Até mesmo o tomate, tão presente em nossas saladas, contribui para o rendimento no dia a dia. Ele conta com o antioxidante licopeno, que contribui para a saúde do cérebro e ajuda a prevenir o estresse. Esse fruto também auxilia diretamente a saúde dos ossos, uma vez que tem altos índices de potássio. 

Neste conteúdo, você pôde observar alguns dos principais produtos que, além de constarem em uma alimentação saudável, são essenciais para o rendimento dos colaboradores. É importante que uma empresa possa desenvolver a conscientização de sua equipe quanto a essa questão, uma vez essa prática diminuirá o absenteísmo, deixará o clima organizacional mais positivo e manterá os talentos na organização. 

A partir dessas informações, faça cartilhas educativas e as distribua entre seus profissionais para que eles acrescentem esses alimentos em suas rotinas!

Para se aprofundar no assunto, que tal entender por que desenvolver uma alimentação saudável no trabalho? Continue no blog e boa leitura! 

Comentários