Blog da

Como fazer uma pesquisa de clima e analisar seus resultados?

Como fazer uma pesquisa de clima e analisar seus resultados?

O clima organizacional é um elemento crucial ao negócio. Quando bem desenvolvido, garante o bem-estar no trabalho, o desenvolvimento de um forte espírito de equipe e o próprio engajamento dos indivíduos. Por isso, é preciso de uma pesquisa de clima.

Grosso modo, a pesquisa de clima é o levantamento de indicadores que comprovem a qualidade da atmosfera psicológica da empresa (isto é, como os talentos percebem o clima e são impactados por ele). Nesse quesito, itens como motivação, assiduidade e produtividade devem ser considerados no levantamento.

Sabemos bastante sobre o assunto e, por isso, elaboramos esse artigo para você. Nele, vai entender como fazer uma pesquisa de clima e analisar seus resultados. Boa leitura!

Por que a pesquisa de clima é importante?

A pesquisa de clima organizacional ajuda a entender o que tem acontecido dentro da empresa e como isso impacta os resultados de curto, médio e longo prazo. Sendo assim, é crucial à gestão de pessoas e ao próprio planejamento estratégico do negócio.

Para o RH, a pesquisa ajuda a entender como o clima impacta as pessoas. Em outros termos, até que ponto o engajamento do time é comprometido? Além disso, como o senso de coletividade é prejudicado? A verdade é que um clima negativo pode ser realmente nocivo aos talentos, times de trabalho e desempenho da gestão de pessoas.

Os prejuízos são refletidos no negócio como um todo. Quando os profissionais não estão devidamente motivados e falta alinhamento da equipe, dificilmente a estratégia é bem executada e os resultados desejados são alcançados. Nesse sentido, o mau clima pode ter uma série de efeitos na empresa, nos seus diversos níveis e áreas.

Por essa razão, a pesquisa é essencial. Ela ajuda a fazer a análise preditiva do clima, avalia quais fatores estão indo de acordo com o desejado e o que está precisando de ajustes. Logo, fica mais fácil gerenciar a atmosfera interna e promover mudanças.

Como fazer uma pesquisa bem-sucedida?

A pesquisa é um levantamento acerca de como o clima está. No entanto, o clima em si é muito subjetivo e impossível de ser mensurado.

É preciso classificá-lo de acordo com dados mais concretos, por exemplo: a assiduidade dos colaboradores, a satisfação, a produtividade, o nível de criatividade da equipe e a relação líder-liderado. Confira:

Passo 1: planeje como a pesquisa será feita

Comece definindo como a pesquisa será realizada. Você aplicará um questionário aos colaboradores ou somente levantar os indicadores-chave de desempenho da empresa? O ideal é fazer as duas coisas, assim terá uma visão muito mais sistêmica.

No caso do questionário, faça algo com 20 ou 40 perguntas, todas relacionadas ao clima da organização. Do tipo: “você se sente feliz no local de trabalho? ”, “considera seu superior imediato como um bom líder? ” ou, ainda: “de 0 a 10, como avalia a qualidade do seu ambiente de trabalho? ”. Use perguntas objetivas e claras.

Os indicadores, por sua vez, poderão ser levantados com base nos dados do sistema gerencial, planilhas e pesquisas da internet. Bons indicadores poderão dar um viés quantitativo à pesquisa, isto é, muni-la dos números necessários à apreciação final.

Passo 2: estabeleça prazos e padrões de qualidade

A pesquisa deve ter data para início e fim, bem como padrões de qualidade muito bem estabelecidos. Isso ajuda o gestor a manter o foco, ter agilidade e organização no levantamento. Portanto, você também precisa de prazos e altos padrões de qualidade.

Para tanto, comece refletindo acerca de cinco perguntas: o que deve ser feito? Como? Por quem? Quando? E quanto vai custar? São perguntas simples e que ajudarão a ter uma visão mais holística. Assim, as chances de acerto serão multiplicadas na empresa.

Passo 3: aplique a pesquisa de clima organizacional

É hora de aplicar a pesquisa de clima organizacional. Para deixar os talentos mais livres, sem medo de possíveis represálias por suas respostas, evite campos de identificação pessoal na pesquisa ou adote uma forte política de confidencialidade.

Ofereça um tempo hábil para que cada profissional responda a sua pesquisa, pode ser 1 hora ou 1 dia inteiro, dependendo do número de perguntas. Em alguns casos, é producente até pedir que o colaborador leve sua pesquisa para casa, responda com tranquilidade e só devolva no dia seguinte.

Passo 4: levante os indicadores-chave de desempenho

Tão importante quanto a pesquisa de clima organizacional é o levantamento dos indicadores-chave de desempenho. Eles podem informar se o clima está adequado ou se precisa de ajustes. Entre os principais indicadores, é possível destacar:

  • nível de assiduidade ao trabalho;
  • taxa de rotatividade de talentos (turnover);
  • número de conflitos interpessoais;
  • índice de reclamação de clientes atendidos;
  • nível de produtividade diária;
  • número de produtos (bens ou serviços) retrabalhados.

Cada um desses indicadores pode dizer muito sobre o clima. Se o número de retrabalho está elevado, por exemplo, é sinal que a comunicação não está acontecendo e que o clima pode ser o principal impedimento. É preciso analisar cada hipótese.

Como avaliar os resultados obtidos?

No caso dos indicadores, a análise é muito mais simples. Todos os dados são cruzados e dão lugar a números fáceis de entender.

Por exemplo, se a taxa de rotatividade da equipe é de 20%, é sinal que o ambiente não oferece qualidade de vida profissional e que alguma coisa tem que ser feita, caso contrário, os talentos continuarão a sair.

A análise do questionário aplicado, por outro lado, precisa de um pouco mais de disposição. É preciso tabular todas as respostas e avaliar a quantidade de profissionais que estão satisfeitos ou insatisfeitos com o trabalho, o que reflete no clima interno.

Então analise o percentual de talentos que classificaram seu superior imediato como um bom líder, que se sentem felizes na empresa ou que recomendariam o local de trabalho para seus amigos ou familiares.

Assim, terá informações bem mais precisas em mãos e poderá promover melhorias pontuais, úteis ao progresso do clima.

Enfim, o clima organizacional é realmente importante ao sucesso empresarial. Então é preciso monitorá-lo continuamente e promover boas melhorias. Invista no bem-estar da equipe, ofereça benefícios complementares, torne o ambiente de trabalho mais flexível e recompense pelos resultados alcançados.

Assim, o clima será ainda melhor.

Gostou do nosso artigo e entende como fazer uma pesquisa de clima? Agora, aproveite para deixar seu comentário no artigo. Vamos lá!

Comentários