fbpx

Blog da

cartão benefício

Veja 8 diferentes tipos de cartão benefício para sua empresa adotar

A área de Recursos Humanos tem ganhado cada vez mais destaque dentro das organizações, pois, por meio de suas estratégias, são oferecidas maior qualidade de vida e oportunidades de crescimento para os colaboradores. Isso os deixa motivados e satisfeitos com o seu trabalho. Dentre as estratégias utilizadas, está o cartão benefício.

A oferta de cartões de benefícios para os colaboradores passou a ser um diferencial competitivo no mercado, ao atrair e reter talentos. Afinal, os benefícios atendem às necessidades dos trabalhadores conforme o perfil de cada um, e isso aumenta o nível de satisfação e motivação. Por consequência, toda a equipe sente-se mais engajada.

Nesse contexto, os cartões são boas alternativas para reforçar a gestão de benefícios, com flexibilidade e simplicidade. Conheça agora os principais tipos de cartão benefício e veja como melhorar a gestão de sua empresa!

1. Cartão Alimentação

Cartão Alimentação oferece aos colaboradores a chance de escolher entre uma série de hipermercados, minimercados, sacolões, açougues e padarias para a compra de gêneros alimentícios de sua preferência, dando maior liberdade em sua escolha de alimentos. Além disso, também diminui as despesas com transporte e armazenagem da antiga cesta básica.

Muitas vezes, esse benefício é mais interessante para o colaborador do que o vale-refeição, pois, no alimentação, ele compra o que precisa para a casa e faz suas próprias marmitas, se alimentando de uma forma mais saudável.

Esse benefício não compromete o salário do trabalhador, pois reduz o gasto com a alimentação. De acordo com o artigo 457 da CLT, o vale-alimentação não faz parte do salário, desta forma, ele pode ser retirado ou suspenso a qualquer momento, sem aviso prévio.

Segundo a Norma Regulamentadora 24, as empresas com mais de 300 colaboradores devem ter um refeitório, não sendo permitido alimentar-se em outro local da organização.

Por ser um cartão pessoal e intransferível, que utiliza a tecnologia de chip, ele funciona com uma senha, garantindo maior segurança ao seu portador. Além disso, o Cartão Alimentação gera uma economia real em tributos a serem pagos (isenção de encargos sociais) e um abatimento de 4% no Imposto de Renda da empresa, por meio da adoção ao Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT).

2. Cartão Refeição

O Cartão Refeição conta com um sistema on-line de crédito que possibilita aos colaboradores o pagamento de suas refeições com praticidade. O serviço disponibiliza uma ampla rede de restaurantes, lanchonetes e padarias para a compra de refeições prontas durante a sua jornada de trabalho ou no intervalo.

Esse benefício também é regulamentado pelo PAT (com os mesmos benefícios descritos acima para as empresas) e deve ser gasto de acordo com a sua especificidade, não sendo autorizado para a compra de bebida alcoólica. O Cartão Refeição também visa à redução dos gastos com alimentação, porém é específico para a jornada de trabalho.

O Programa de Alimentação do Trabalhador foi criado pela Lei 6.321/96 e regulamentado pelo Decreto 5/91. Seu objetivo é melhorar a nutrição do profissional brasileiro, visto que, como uma de suas Metas do Milênio assumidas perante a ONU, o país pretende erradicar a fome.

Quando se alimenta bem, o colaborador tem maior capacidade física e resistência, e diminuem os riscos de acidentes de trabalho e doenças relacionadas à alimentação precária e à falta de uma dieta adequada.

3. Cartão Convênio

Cartão Convênio é uma solução inteligente para o gerenciamento de convênios e do fluxo de caixa da empresa. Sem custo adicional e de maneira simples, a empresa pode ter acesso às ferramentas exclusivas para monitoramento de saldo, extrato, limite de crédito e um controle eficiente dos gastos com convênios.

Tudo isso pode ser feito de forma on-line por meio de um sistema de integração total com a folha de pagamento. O cartão também pode ser personalizado, com controle eficiente dos gastos e melhoria da qualidade de vida do colaborador, pois agrega valor ao pacote de benefícios da empresa.

Com esse benefício, é possível, ainda, oferecer ao colaborador a comodidade de um adiantamento salarial de até 40% de remuneração líquida, descontado em folha de pagamento. Ele também conta com uma rede ampla de fornecedores credenciados, e alguns disponibilizam serviços como recarga de celular e pagamento de contas.

4. Cartão Viagem

O Cartão Viagem é um benefício voltado para as empresas cujos colaboradores têm a necessidade de viajar constantemente. É a forma mais prática e segura de levar dinheiro para vários lugares.

Esse tipo de cartão benefício foi criado especificamente para o pagamento de viagens terrestres, aéreas e de hospedagens, garantindo tranquilidade e autonomia ao colaborador. Mais seguro que dinheiro e cheques de viagem, evita furtos e perdas, por ser mais funcional.

Dessa forma, o benefício traz impactos positivos à qualidade de vida e ao bem-estar dos trabalhadores que estão viajando a trabalho, devido à segurança (em caso de roubo ou furto) e à praticidade, pois o Cartão Viagem é aceito em muitos lugares — mesmo em viagens internacionais e em restaurantes, lojas, casas de espetáculos e muitos outros locais.

Além do mais, a taxa de IOF é baixa, alguns têm benefícios, como descontos, e o limite para gastos é alto. Você também pode acompanhar seu saldo, obter informações sobre a fatura e observar as transações feitas pela internet ou telefone em tempo real ou quando precisar.

5. Cartão Cultura

Por meio do Cartão Cultura, é concedido um benefício no valor de R$ 50 cumulativo, sem prazo de validade e que pode ser usado em qualquer região do país. Com ele, a empresa proporciona o acesso a eventos e programas culturais com a aquisição de ingressos para shows, cinemas e teatros.

Além disso, é possível comprar livros e outros itens que incentivam a capacitação e o desenvolvimento intelectual dos colaboradores, refletindo na melhoria da qualidade de vida e estimulando a produção cultural interna. Nesse caso, existe, também, o apoio à inclusão social, e não há incidência de encargos trabalhistas sobre os créditos.

Criado em 2012 pelo governo federal, consta na Lei 12.761 que seus objetivos são estimular as atividades culturais, incentivar o acesso a eventos artísticos e possibilitar esse acesso aos colaboradores, independentemente de quanto ganhem.

No entanto, ele foi feito para o trabalhador que recebe até 5 salários mínimos mensais. Se, contudo, ele receber mais do que isso, poderá ter o valor do vale-cultura descontado de seu salário, em um percentual de 20% a 90%.

6. Cartão Premiação

Cartão Premiação é ideal para a valorização dos colaboradores com premiações específicas por bom desempenho ou metas atingidas. Assim, é uma alternativa interessante para campanhas pontuais ou programas de incentivo dentro da empresa.

Ele conta, ainda, com uma ampla rede credenciada, tem baixo custo operacional e permite o gerenciamento eletrônico dos prêmios. São mais de 180 mil estabelecimentos credenciados em todo o país. O saldo e o extrato do cartão podem ser consultados pelo canal de relacionamento, site ou aplicativo.

Com o Cartão Premiação, os colaboradores são estimulados a melhorar sua performance no ambiente de trabalho e ser mais produtivos para conquistar o prêmio. A empresa se beneficia com um aumento na eficácia dos resultados e a diminuição da rotatividade da equipe, por estar satisfeita com os benefícios oferecidos.

7. Cartão Presente

Cartão Presente é uma ótima opção para presentear colaboradores, clientes, fornecedores e parceiros de negócio nas mais diversas ocasiões. É bastante útil também em estratégias e ações de relacionamento de empresa, para incentivar ou dar reconhecimento àqueles que são parte fundamental da organização.

Com esse benefício, o presenteado pode escolher aquilo que deseja obter, pois o cartão tem um saldo limitado e é exclusivo para compras — ou seja, não pode ser sacado ou transferido para outra pessoa. Dessa forma, o presenteado tem a liberdade para adquirir produtos, experiências ou serviços de empresas parceiras credenciadas.

8. Cartão Natal

Cartão Natal pode substituir as cestas natalinas ou demais presentes que normalmente demandam uma logística adicional, como transporte e espaço para armazenagem. Além de facilitar o processo, esse é um dos tipos de cartão benefício que proporcionam total liberdade aos colaboradores, que podem escolher como querem utilizar os seus créditos.

É também uma maneira de agradecer à equipe por seu desempenho e dedicação à empresa durante todo o ano e uma forma de tornar as datas comemorativas de final de ano mais felizes. Além disso, o colaborador pode comprar os produtos de que mais gosta para as ceias de final de ano e incluir em suas compras alimentos frescos e perecíveis, que não seriam possíveis em uma cesta física.

Isso demonstra o reconhecimento por parte das empresas para com os colaboradores e aumenta seu nível de satisfação, pois, além de beneficiar o trabalhador diretamente, também beneficia seus parentes mais próximos.

Afinal, ele terá o poder de escolher, junto à sua família, quais os produtos preferidos para fazer o cardápio das ceias de Natal e ano-novo, podendo incluir nelas as compras de verduras, legumes e frutas, além de peixes e outros alimentos.

Esses cartões são administrados pelo portal on-line ou pelo aplicativo Mobile, onde é possível acompanhar todos os pedidos, disponibilizações, transferências e recolhimentos de crédito, auxiliando na gestão dos benefícios corporativos e na redução de custos.

Veja quais são os tipos de cartão benefício que melhor se encaixam no perfil de sua empresa e comece a implantá-los agora mesmo! Atualmente, muitas organizações estão adotando o benefício flexível.

Essa solução inovadora permite que o colaborador escolha aquilo que é melhor para ele. Por exemplo, um profissional solteiro pode preferir um Cartão Academia, enquanto outro, pai de família, pode achar mais interessante um auxílio-creche.

Caso ainda tenha dúvidas sobre quais cartões benefícios oferecer aos seus colaboradores, entre em contato com uma empresa especializada. Assim, você terá as soluções mais eficientes e inovadoras em gestão de benefícios, além de facilidades para o gerenciamento dos convênios, adiantamento salarial, premiações e demais incentivos citados.

Muitas empresas costumam procurar parcerias e convênios para produzirem seus próprios cartões benefícios e, dessa forma, reduzir bastante seus custos.

Gostou do conteúdo? Quer saber sempre as novidades para pequenas e médias empresas? Assine nossa newsletter no espaço abaixo agora mesmo!

Comentários