fbpx

Blog da

Saiba como eliminar os custos da cesta básica

A cesta básica é uma das principais fontes de custo para a organização. Além da compra em si, que pode ser um investimento significativo para a empresa, existem os gastos com transporte e estocagem, além de toda a logística para entrega.

É claro que o auxílio alimentação é um benefício muito importante para a empresa, que faz toda a diferença na rotina dos colaboradores e que, justamente por isso, não pode ser desconsiderado. Entretanto, hoje em dia é possível reduzir consideravelmente os custos da cesta básica, com uma alternativa mais prática e interessante para todos os envolvidos.

Neste artigo vamos entender como é possível fazer isso e ainda fortalecer o relacionamento com o seu time. Acompanhe!

Os custos da cesta básica

A cesta básica é, sem dúvidas, um produto caro para o gestor. Além da compra do kit completo de alimentação, ele precisa investir no transporte de um volume imenso de mercadorias e também na estocagem dos produtos, demandando grande energia e, claro, gastos que poderiam ser evitados.

A alternativa do cartão

Os avanços tecnológicos têm contribuído bastante para o crescimento das empresas e para a melhoria dos seus processos internos.

No caso da alimentação dos colaboradores, a cesta básica pode ser substituída pelo cartão alimentação, que é carregado mensalmente com um valor pré-determinado, permitindo ao colaborador que faça as suas compras alimentares em um estabelecimento perto de sua casa. Com isso, ele também tem a possibilidade de escolher aqueles itens que são mais adequados às necessidades de sua família.

Confira os principais benefícios do cartão de alimentação:

Economia

A substituição das cestas básicas pelo cartão traz uma economia significativa para a empresa, diminuindo os gastos com todos os processos para compra, armazenamento e entrega. Com o cartão, a recarga mensal pode ser feita automaticamente e o colaborador utiliza o seu crédito de forma independente e personalizada.

Praticidade

O cartão alimentação é sinônimo de praticidade para todos os envolvidos. Para a empresa, que pode abrir mão de complexos processos de compra e entrega, e para os colaboradores, que passam a fazer a compra de alimentação no estabelecimento de sua escolha, entre os muitos credenciados, optando por aquele que lhe traz mais facilidade e conforto.

Qualidade de vida

O cartão alimentação permite que os colaboradores escolham o que vão consumir naquele mês, fazendo uma compra que seja mais adequada às suas necessidades e restrições. Muitas vezes, a padronização da cesta básica acaba por trazer desperdício e insatisfação, uma vez que pode conter alimentos que não podem ser consumidos por um membro da família, como a farinha, por exemplo.

É papel do gestor trabalhar para oferecer sempre o melhor para os seus colaboradores. E quando o assunto é alimentação, nos dias de hoje se faz mais do que necessário eliminar os custos da cesta básica, investindo em uma opção muito mais interessante.

E você? Já colocou o cartão alimentação na sua empresa? Compartilhe conosco como se deu a recepção dos colaboradores e quais os pontos positivos da mudança. É só deixar um comentários!

Comentários